Tornando-se como Jesus – Introdução


Você já parou para pensar sobre as 9 características expressas em Gálatas 5, chamadas de fruto do Espírito?


“Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio.” (Gl 5:22, 23)

Nesta série de vídeos chamada “9 por dia”, Chris Wright, diretor internacional da Langham Partnership, nos convida a meditarmos em cada uma dessas características, afim de nos tornarmos mais como Cristo. Neste vídeo, ele medita sobre a importância dessas características serem frutos e não meras ordenanças externas.
Vale a pena assistir !


Um grande desafio

“Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.” 2 Timóteo 2:15

Esse foi o versículo usado no convite para a 4º Reunião Especial de Jovens que foi realizada em Ourinhos dia 4/5/2013 (aliás vamos montar um post especial sobre isso).
Mais é interessante o desafio que ele nos propõe. Esse versículo foi escrito por Paulo a Timóteo que era um jovem atuante na obra do Senhor na igreja de Éfeso. Dizem que os jovens de hoje são os futuros líderes da igreja de amanhã, mais o interessante é ver que com Timóteo essa afirmação fugiu a regra, uma vez que ele por uma vida exemplar perante todos, era um dos que estavam a frente do trabalho, mesmo sendo jovem (não estou dizendo que nós jovens temos que passar a liderar nossas igrejas ou não nos submeter a autoridades, mais quero enfatizar a importância que tinha Timóteo na sua igreja local, pois demonstrava uma vida de serviço a Deus e amor a palava). 
<!–more CONTINUE LENDO-!>
Paulo, seu mentor em toda sua vida cristã, então lhe deixa essa instrução: “Procura apresentar-te a Deus aprovado…”. Sigamos a seguinte lógica queridos jovens (que sou também), alguém para ser “aprovado”, precisa passar com louvor por um processo seletivo, ou por alguma dificuldade certo?! Ai que esta um ponto importante… nós sabemos que a vida de um jovens, ainda mais um jovem cristão não é fácil, principalmente nos dias de hoje… não preciso nem ficar falando todos, até porque quero terminar esse posto hoje. Mais o que temos que entender primeiramente nesse versículo é que em todas essas dificuldades ou problemas que enfrentamos devemos nos preocupar em sermos verdadeiramente APROVADOS!… vamos ter como exemplo o próprio Senhor Jesus Cristo… ai você pode até pensar “ha, mais Jesus era Deus, não tem como comparar…” mais pense bem, Ele veio ao mundo e passou pela infância, pré adolescência, adolescência, juventude e vida adulta, ou seja, Ele passou pelos mesmos problemas que você e foi APROVADO como perfeito homem. 
Outro ponto que vemos é “…como obreiro que não tem de que se envergonhar…”. Isso é algo que esta diretamente ligado ao fato de ser ou não APROVADO. Seu trabalho para Deus não é medido apenas nos que você faz dentro do prédio da sua igreja local, nem o que é feito perto dos irmão, mais sua vida pública é  o que tem maior peso. Um testemunho de vida afundado pode afundar todo um trabalho e as consequências são sérias e as vezes irreparáveis.
E por fim “…que maneja bem a palavra da verdade” ou seja, a bíblia, a palavra de Deus. Quando um esportista quer ser bom em alguma coisa ele treina todos os dias inúmeras vezes para que busque superar seus próprios limites. Como você planeja então ser alguém que maneja bem a palavra sem  praticar, sem estudar, sem ler… e mais, quanto mais conectado a Deus através da Sua Palavra, e da oração, maior a chance de você conseguir passar pelas duas primeiras “etapas”.
Então é isso jovens, já temos o desafio proposto e a “receita” para passar… agora é com cada um de nós 😉

–>