Tornando-se como Jesus – Introdução


Você já parou para pensar sobre as 9 características expressas em Gálatas 5, chamadas de fruto do Espírito?


“Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio.” (Gl 5:22, 23)

Nesta série de vídeos chamada “9 por dia”, Chris Wright, diretor internacional da Langham Partnership, nos convida a meditarmos em cada uma dessas características, afim de nos tornarmos mais como Cristo. Neste vídeo, ele medita sobre a importância dessas características serem frutos e não meras ordenanças externas.
Vale a pena assistir !


Bíblia, o manual da qualidade de Vida

 Bíblia, o manual da qualidade de vida. pt 2

Bíblia, o manual da qualidade de Vida

Para este estudo estaremos meditando um pouco no livro de provérbios que foi escrito pelo rei Salomão. Nele podemos encontrar versículos uteis para todas as áreas da nossa vida e em todas as fazes dela. Salomão quando teve a oportunidade de pedir a Deus qualquer coisa, ele pediu algo simples, mas que o ajudou a conquistar todas as outras que talvez eu ou você pediríamos, e foi lembrado na palavra de Deus, como o homem mais sábio de todos, a ponto de reis de todo o mundo virem até ele pela sua sabedoria.
Tiago em sua carta, nos deixa uma instrução no capítulo 1 e versículos 5 e 6 dizendo que se precisamos de sabedoria (principalmente para compreender sua palavra), devemos orar e pedir a Deus, mas ele faz uma observação: “peça-a porém com fé, em nada duvidando”. Deus sempre, através do seu Espírito Santo, nos dará a sabedoria necessária para entendermos seu querer e andar nos seus caminhos.
No capítulo 3 de Provérbios encontramos em alguns versículos um verdadeiro manual para a vida. Considero particularmente o capítulo 3 de provérbios um dos mais ricos em instruções para todas as áreas da vida. Estaremos então meditando um pouco nos 12 primeiros versículos. Para não deixar o post muito grande, não irei digitar os versículos, então sugiro então que pegue sua bíblia e leia o trecho antes de iniciar. Esse estudo será dividido e hoje vamos analisar os 4 primeiros versículos apenas.

Convite Para o JUC-X


Está chegando o dia da grande aventura! o JUC-X.

Por conta disso gravamos um vídeo (sem gracinhas) para você conferir os detalhes do JUC-X. O evento será dia 27/07/2013 com início da reunião marcado para as 8:00hs e termino para as 17:00hs (ou até vocês quiserem parar). 

Teremos o irmão Asafe de Piracicaba nos trazendo a mensagem que abordara o tema: “As Aventuras de ser um Jovem Cristão”, será um estudo muito bom para jovens de todas as idades. 

Para custear alimentação, a inscrição tem o valor de R$15,00, que deverá ser depositado até o dia 20/07/2013 no Banco Brades Ag. 6974-4 C/C: 226-7 em nome de Gabriel Formaggio Zen. AS VAGAS SÃO LIMITADAS, ENTÃO QUANTO ANTES FIZER O DEPÓSITO E A INSCRIÇÃO MELHOR.

Após ter feito o depósito ou transferência, digitalize o comprovante, vá na página de inscrição (clique aqui), preencha os campos obrigatórios seguindo o passo-a-passo e ao final, anexe o comprovante. Se você fizer o depósito para mais de uma pessoa, no campo observações coloque o nome, idade e cidade de cada um, e é claro, o valor do depósito tem que corresponder ao numero total de inscrições.

Então não perca, faça já sua inscrição e garanta seu lugar nessa grande aventura.

PS. TRAGA ROUPA VELHA, VOCÊ VAI SE SUJAR. TRAGA DINHEIRO, TEREMOS CANTINA =D


Cidade: Pitatininga-SP

Data: 27/07/2013

Horário: 08:00hs

Valor: R$15,00


Devocional Dirigido: A vontade de Deus (6)

Dia 6: 1 Pe 2:13-17

 A vontade de Deus está relacionada ao coração humano.  Já descobrimos que a Palavra de Deus usa a frase, “esta é a vontade de Deus” somente 3 vezes.  Vimos que, para sermos conhecedores e fazedores da Sua vontade, precisamos ter um:
   1)    Coração sedento por Ele (comunhão constante) 1 Ts 5:16-18
   2)    Coração santo perante Ele (pureza moral)
1 Ts 4:1-8
Hoje veremos que Deus quer que “acertemos” na vida com um coração submisso diante dEle e das autoridades que Ele mesmo constitui sobre nós. 
& Leia 1 Pe 2:13-17. 
! Contexto:  Se você possui uma Bíblia de Estudo (anotada), leia um pouco sobre o contexto histórico dos destinatórios desta carta.  Em que sentido estavam sofrendo?    
Leia versículo 15 novamente, onde encontramos a frase “assim é a vontade de Deus”.  Como definir essa vontade dentro desse versículo e o contexto de vss. 13 a 17?
OBS> A “prática do bem” em meio a perseguição é definida em versículo 13 como sendo submissão às autoridades”. 
! Por quê um coração submisso às autoridades é tão importante dentro da vontade de Deus?  O que reflete em relação ao próprio Deus?     
Como que Deus pode usar nossa submissão às autoridades para revelar Sua vontade, até em áreas “amorais”, em nossas vidas?  (Leia Pv 21:1)         
!  Aliste, por nome, as autoridades que Deus tem colocado em sua vida.  Peça que Ele sonde o seu coração, para revelar se você realmente tem andado dentro da vontade dEle nesta área de submissão.  Ao mesmo tempo, pense sobre algumas decisões difíceis que você precisa tomar.  Quais dessas autoridades você já consultou?  

Devocional Dirigido: A vontade de Deus

Dia 5:1 Tessalonicenses 4:1-8 
No ultimo devocional descobrimos que o ponto de partida para conhecermos e fazermos a vontade de Deus é comunhão constante com Ele.  Hoje olhemos para uma segunda vez que a frase “esta é a vontade de Deus” aparece na Palavra.   
& Leia 1 Tessalonicenses 4:1-8  
Contexto:  Resuma o contexto baseado em versículos 1 e 2:       
Conforme vs. 3, o que é a vontade de Deus?        
“Santificação” neste texto está muito bem definida.  Qual a aplicação principal destes versículos? 
Estamos num ponto muito sério.  Para “acertarmos” as decisões da vida é necessário andar com Deus com coração sedento por Ele (comunhão constante) e com coração santo diante dEle (pureza moral).  Senão, podemos afirmar que estamos “fora” da vontade de Deus, e em território perigoso em termos da vontade dEle.  
Leia novamente vs. 4-6.  Aliste aqui algumas das aplicações que o Espírito Santo traz para sua vida que constituem pecados morais na área da sexualidade, e que nos tiram da vontade de Deus:                     
Leia versículos 7 e 8.  Qual o tom destes versículos?  Por quê Deus leva tão a sério este aspecto da Sua vontade?           
Nunca esqueça de que, em Cristo Jesus, somos novas criaturas (2 Co 5:17) e a culpa do passado foi lavado pelo Seu sangue (Hb 10:22, 9:14).  Se a área moral já foi um tropeço para você, corra até o trono da graça (Hb 4:16) e, pelo poder de Jesus, comece de novo.  Clame a Deus que Ele te livre de pecados morais, que te desqualifiquem de ser um “conhecedor”da Sua vontade.   

Devocional Dirigido: A vontade de Deus

Dia 4: 1 Tessalonicences 5:16-18 
Tantos de nós andamos preocupados com a vontade “amoral” de Deus (decisões a tomar, que não são claramente orientadas na Palavra).  Mas a grande ênfase da Palavra não está na parte da vontade de Deus que ainda não conhecemos, mas com a parte que já conhecemos!  Um pressuposto das Escrituras é que quando nós nos preocupamos com o que Deus já revelou, Ele cuida da parte desconhecida da Sua vontade (veja Sl 37:3,4). Nos próximos dias, faremos um estudo “tópico” da frase “esta é a vontade de Deus”.  Talvez você fique surpreso ao descobrir que há somente 3 textos em toda a Bíblia em que esta frase aparece, todos no NT.  É um ótimo ponto de partida para quem quer “acertar” as decisões da vida. 
& Leia 1 Tessalonicenses 5:16-18. 
! Você consegue detectar algo que os três versículos têm em comum?  (Note as palavras “sempre . . . sem cessar . . . em tudo”).  Como você poderia caracterizar essas frases?  Se tivéssemos que resumir este “tríade” famoso, talvez seria a idéia de “Comunhão Constante”com o Senhor.  Note que versículo 18 diz que esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para nós. Como que “regozijo sempre” reflete comunhão constante com o Senhor?   
Como que “oração sem cessar” reflete comunhão constante com o Senhor?  Você acha que isso significa viver ajoelhado?  Como podemos “orar sem cessar”? 
(OBS> o advérbio “sem cessar” foi usado de uma tosse ininterrupta, i.e. que escapava repentinamente, frequentemente, mas não necessariamente constantemente).    
Como que “gratidão em tudo” reflete comunhão constante com o Senhor?  Não passe rápido demais por este texto!  O que Deus está dizendo é que a vontade dEle é que andemos SEMPRE em Sua presença, ciente da Sua perspectiva sobre a vida, cheios de regozijo e gratidão porque Ele tem tudo sob controle, sempre na companhia dEle como nosso Pai amoroso.  Peça que Deus faça de você um companheiro constante e leal, pela graca de Jesus, e que ande sempre com Ele para assim tomar decisões acertadas à luz da Palavra dEle. No ultimo devocional descobrimos que o ponto de partida para conhecermos e fazermos a vontade de Deus é comunhão constante com Ele.  Hoje olhemos para uma segunda vez que a frase “esta é a vontade de Deus” aparece na Palavra.